Starbucks inaugura a primeira cafeteria na Itália


A americana Starbucks, maior cadeia de cafeterias do mundo, inaugurou, no dia 6 de setembro, uma unidade em Milão, norte da Itália. O país é conhecido por ser apaixonado por café, já que são servidos seis bilhões de espressos a cada ano, segundo dados da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).


A cafeteria, que recebeu o nome de Reserve Roastery, está localizada em um prédio histórico chamado Grandiose Piazza Cordusio, próximo ao centro de Milão, e possui 2.300 metros quadrados. O espaço conta com um design requintado do tipo industrial e oferece cafés oriundos de mais de 30 países, além de servir coquetéis e opções gastronômicas.

Mais que saborear o café, a Starbucks tem a intenção de fazer com que os apreciadores tenham uma experiência incrível, já que oferece um tour pela loja para que as pessoas conheçam todo o processo de torrefação. Assim, os clientes podem comprovar que estão consumindo uma bebida premium.


Sem frappuccinos


Como muitos sabem, a Itália possui uma cultura do café profunda e irrepetível. Esse foi o motivo pelo qual empresa norte-americana demorou a inaugurar uma unidade no país, pois as bebidas Starbucks, especialmente os conhecidos frappuccinos, provavelmente não fariam sucesso entre os italianos. Sendo assim, o produto não está presente no cardápio da unidade de Milão.


Mesmo acreditando que o café servido pela companhia americana não seja como um espresso italiano, Paolo Nadalet, presidente do Instituto Nacional de Espresso Italiano, afirma que o sabor é delicioso e que está muito contente por uma grande empresa, como a Starbucks, ingressar no país.


Fontes: G1, Revista Casa e Jardim e InfoMoney

Foto: Stefano Rellandini/Reuters

0 comentário