top of page

Evento Abertura da Safra Mineira de Café destaca setor produtivo da região

Primeira edição da Abertura da Safra Mineira acontece dia 1° de junho, na sede da Coocacer, em Araguari (MG)



Em sua primeira edição, a Abertura da Safra Mineira de Café, marcada para acontecer no dia 1º de junho, às 9h, na sede da Coocacer em Araguari (MG), já tem duas importantes presenças confirmadas: o governador do estado, Romeu Zema, e o Ministro da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávaro.


A produção brasileira de café deve totalizar 54.74 milhões de sacas de 60 kg em 2023, correspondendo a um aumento de 7,50% em relação ao ano passado (50.92 milhões de sacas), de acordo com o 2º levantamento da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Já a safra mineira do grão deve alcançar 27,5 milhões de sacas em 2023, com crescimento de 25% na comparação com a safra anterior, segundo levantamentos iniciais da Conab. Na Região do Cerrado Mineiro, a produção média é de 6 milhões de sacas anualmente.


Segundo informações da organização, uma megaestrutura irá receber aproximadamente 600 participantes, entre produtores de café, representantes de cooperativas, associações, exportadores, torrefadores, além de estudantes e autoridades políticas no âmbito federal, estadual e municipal de 55 cidades que compõem a Região do Cerrado Mineiro, a primeira com Denominação de Origem para cafés do Brasil, acompanhados de representantes das demais regiões produtoras de café de Minas Gerais.


A Abertura Mineira da Safra Mineira de Café é uma realização da Federação dos Cafeicultores do Cerrado – Região do Cerrado Mineiro, Prefeitura Municipal de Araguari e Agência de Desenvolvimento de Minas Gerais (Ademinas). Apoiam a iniciativa o Deputado Federal Zé Vitor e o Deputado Estadual Raul Belém.


A ação integra as regiões produtoras de café do estado, conecta a cadeia produtiva do café e fortalece a atividade, valorizando os esforços que promovem desenvolvimento e crescimento nos municípios em que a cultura está inserida, tornando o momento da colheita ainda mais singular.


Atrações

O evento contará com o espaço Casa de Café Cerrado Mineiro, que oferecerá cafés das regiões cafeicultoras de Minas Gerais para degustação. No espaço, o movimento “Elas no Café”, juntamente com cafeicultores convidados, apresentarão cafés com o selo da Denominação de Origem da Região do Cerrado Mineiro, bem como produtos mineiros artesanais como queijos, doces, entre outros, para aquisição.


As paisagens, cores, formas e vida no Cerrado são a grande fonte de inspiração do artista plástico Júlio Monteiro, que estarão em exposição no evento. A música fica sob o comando do Conservatório Estadual de Música e Centro Interescolar de Artes Raul Belém, de Araguari.


A tecnologia também terá um forte apelo no evento, com a presença de painéis de LED espalhados por diferentes ambientes, contará a história de atitude da cafeicultura da Região do Cerrado Mineiro para os visitantes.


A singularidade do café a cada safra estará representada por meio da união que promoveu a história de sucesso da cafeicultura no Cerrado Mineiro e pelas expressões de arte e cultura apresentadas no evento, demonstrando a influência e a inspiração da cafeicultura em vários segmentos, diretos e indiretos, ligados em sua atividade.


Confirmação de presença

Interessados em participar da Abertura Mineira da Safra de Café tem até o dia 26 de maio, sexta-feira, para confirmar presença através do formulário presente neste link ou através do site do evento.


Mais informações: www.saframineiradecafe.com.br


Fonte: Café Point

0 comentário

コメント


bottom of page